Sugestão para a NASA

{ domingo, 5 de setembro de 2010 }

Às vezes queria ter uma bolha. Uma daquelas como a desenvolvida pela NASA para aquele menino americano da década de 70 que não podia ter contato com germes. No meu caso, queria uma para me proteger contra palavras maldosas.
Seria só sentir a iminência das agressões e pronto, acionaria uma espécie de campo magnético e nada de mal chegaria até mim. Sem chateações, sem rancor, sem tristeza.
Sem essa bolha, o mundo nos deixa tão expostos a ingratidões que mesmo tentando ser uma fortaleza, tem horas em que a gente desaba. E uma simples frase, aquela dita sem pensar e sem motivos, pode acabar com seu dia.
O caminho é perdoar, porque muitas vezes já tivemos que ser perdoados por outros tantos que também não tinham o utensílio da NASA. Mas que se contássemos com bolhas como essa a vida seria muito mais simples, isso seria.

5 palpites:

Textos da Cri disse...

Tenho uma outra opção, um plus a mais, colocar dentro dessa bolha todas as pessoas que a gente mais ama nesse mundo, e viver felizes para sempre.

:)

Shirley disse...

Ler esse texto agora foi fantástico, passei por umas situações de agressividades esses tempos, onde eu queria muito ter essa bolha, mas estou aprendendo a silenciar, sempre fui topetuda sabe, daquelas que não leva desafora pra casa, mas hoje vejo que o silêncio é a melhor saída, pois, como vc mesma disse, já tivemos que ser perdoados, bjos e bom feriado pra ti...

lu trevejo disse...

"Quanto mais gosto de quem ofende, mais sinto a ofensa."
Esse é o grande problema.
Só nos ofendemos de verdade, quando a ofensa vem de alguém que estimamos, que temos guardado no coração.
Os demais, são como xingamentos no trânsito: não damos a menor importância...

RenataBV disse...

Livia: A falta de educação ou de amor de outras pessoas não pode e não deve ditar como será o seu dia.
Por isso, sorria também pra esse tipo de gente, comentário, inconveniência.

Tem uma comunidade no orkut que chama "A minha educação não depende da sua". E muitomenos o meu "bom dia", rs

Se alguém te dá um presente e vc não aceita o presente, pra quem fica o presente? Provérbio chinês.

Lívia Komar disse...

Lindo comentário, Rê! Falou tudo!

Postar um comentário