Carta a São Pedro

{ segunda-feira, 13 de dezembro de 2010 }

Caro São Pedro,

Venho por meio desta informar que neste Natal, decidi focar meus pedidos a Sua Santidade, que apesar de não andar de trenó e nunca ter visto uma rena de verdade, também é um bom velhinho de barba branca e coração enorme.

Moro em Ribeirão Preto e, como o senhor é porteiro do Céu, vou dispensar mais explicações, pois já deve ter a ciência exata da posição geográfica deste município. Afinal, todo porteiro sabe de tudo.

Dizem que nossa cidade já foi um lugar prazeroso de se morar, provavelmente quando o aquecimento global não estava em voga. Em algumas estações do ano, continua sendo uma delícia, talvez no Outono. Ou no Inverno. Porém, em plena Primavera, temos a impressão de vivermos todos num inferno, com o perdão da palavra.

Sei também que a culpa dessa quentura toda é nossa, já que acabamos com nossas florestas e alguma vez na vida já usamos desodorante com gás CFC. Tu és um sujeito tão tempestuoso por causa disso, que adora soltar raios e trovões nos finais de semana e feriados, ou quando temos uma balada ao ar livre, só pra ferrar nossa vida. É justo, justíssimo, mas peço clemência!

Está sendo impossível ficar dentro de casa sem um ar-condicionado e até a água de nosso banho, que deveria sair fria com o chuveiro desligado, está nos escaldando. Fora de casa, as mulheres são obrigadas a mostrar o sovaco e a pança suados, nossa maquiagem derrete toda e o cecê alheio fica bem mais perceptível, principalmente nos coletivos. Um horror! Jogamos bombinha de São João na cruz ou afogamos Santo Antônio no copo de requeijão, certeza.

Sei que não cuida desse babado das mudanças climáticas e que sua responsabilidade, além de olhar o crachá de quem entra e sai do Paraíso, é só fazer chover, mas sei lá, quem sabe consegue dar uma boa conversada com O Criador para mandar umas frentes frias pra cá. Se não der certo, fale com o filho Dele, que também é gente boa. Porteiro e família do síndico sempre se deram bem desde que o mundo é mundo. Ou Céu é Céu.

Conto com sua ajuda e reforço o pedido fazendo-o lembrar dos dias quentes de verão lá na Galiléia, quando bem antes de assumir o papado, ainda era um discípulo pobre que vivia da pesca e mal conseguia se refrescar naquele calor escaldante mesmo não precisando usar calças. Como eram boas aquelas noites frescas em que não era necessário jogar água benta na esteira para dormir gostoso, não é?

Não queremos o frio, pois não somos iguais aos suíços, ricos e educados, porém suicidas. Gostamos do calor e da alegria que o verão nos traz, principalmente os happy hours de finais de tarde. Mas peço, pelo amor das Festas Juninas, das fogueiras e das paçocas em Teu nome, que tente abaixar a temperatura do Sol, pois, senão, nós, pobres ribeirãopretanos, viraremos petiscos do Diabo.

Obrigada desde já,

Lívia

9 palpites:

Shirley disse...

E parece que São Pedro está fervendo em vários locais, estava em SP esse final de semana chegou a 32 graus, agora vc imagina São Paulo, já em Bauru estava fazndo 42 graus, o bicho tá pegando e lá vamos nós viver em uma caldeira hahaha, bjocas...

Luciana Stabile disse...

Eu já falei pro Pedrão que eu dispenso a sauna...

Renata disse...

(Juntando minha carta à sua)
São Pedro: Misericórdia de nós, maioria dos ribeirãopretanos que, mesmo sem ter -tanta- culpa, pois não fomos nós que devastamos a mata que existia ao redor da cidade para planta cana-de-açúcar (e ainda, de quebra, somos obrigados a suportar a queimada que nos ifnerniza no invernos, sujando tudo e adoecendo a todos) e também não somos nós que ao invés de podarmos as árvores as aleijamos; mas 30 graus à noite, é um castigo demasiado... Nãoque estejamos achando que o pessoal aí do Céu, nossa meta (não por enquanto e nem dessa maneira), seja injusti, mas intercedei por nós junto à Galera do Bem, porque ontem a piscina estava quente... e eu tô reclamando porque estava numa piscina. Imagino quem estava num sofá de corino.
É só isso, Pedrão (posso te chamar assim, né, chapa?). Ah, claro: Em troca a gente promete preparar uma festa digna no dia 29/11/2011, que se Deus - e com a sua ajuda - permitir, estaremos vivos e estará frio. Abração!

Alexsandra disse...

Amiga, seu pedido foi ouvido....Pedrao, rss ficou com dó da gente...(to até desbotada de tanto banho)..., o importante é ele te ouviu...obrigado Pedrao..bem podia continuar assim por uns dias, né!!

Alexsandra disse...

Amiga, seu pedido foi ouvido....Pedrao, rss ficou com dó da gente...(to até desbotada de tanto banho)..., o importante é ele te ouviu...obrigado Pedrao..bem podia continuar assim por uns dias, né!!

Fernanda Marchioretto disse...

Ô poder gente! Não é que ele foi com a tua cara? Agora, será que rola uma cartinha pedindo os números da mega (e depois passar pra mim, porque eu tive a idéia, ok)?

Cris Paulino disse...

Rogai por nós São Pedro!!! Ameniza aí, pelo menos de manhã, tarde e noite!!! Rsrs
#oremos com muita força!!!

kkkkkkkk

Thaís Felix de Oliveira disse...

tem selo lá no meu blog para você :)

controlandominhamaluquez.blogspot.com

Bordunga disse...

Guria, em compensação, aqui em Brasília, está na época das chuva. Após meses de seca, quase me fazendo esquecer o que era um tempo nublado e o cheiro da chuva. Tem chovido todo santo dia. Nem vou reclamar, pq dentro de alguns meses volta a seca. Ai ai!

Beijo grande!

Postar um comentário